(19/11/1943 – 16/07/2017)

Queremos registrar uma grande perda para todos que trabalham em saúde e no CEALAG em especial: Regina Marsiglia faleceu no dia 16/07/2017, deixando um grande vazio que dificilmente será preenchido.

Formada em Ciências Sociais pela USP e em Serviço Social pela PUC-SP, era professora da Faculdade Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo desde 1969 e também professora da Faculdade de Serviço Social na PUC-SP.  Ministrou aulas para os cursos de graduação e pós–graduação nestas instituições, coordenou e participou de dezenas de  pesquisas e orientou mais de 300 trabalhos de mestrado e doutorado.

Regina era grande estudiosa do ensino na área da saúde, conhecia as propostas pedagógicas mais inovadoras, tendo participado da reestruturação do ensino médico na Faculdade de Medicina de Sorocaba da PUC-SP e defensora da proposta de integração docente-assistencial.

Além desta intensa atividade acadêmica, participou de diversas entidades ligadas ao ensino médico, à Saúde Coletiva e de Serviço Social. Foi uma das sócias fundadoras do CEALAG em 1987 e coordenou, em conjunto com as professoras Amélia Cohn e Rita Barradas Barata, a primeira pesquisa do CEALAG, em convênio com a OPAS: “O setor privado e as políticas de saúde na atual conjuntura brasileira – 1978/1990”

Ainda em 1988 a 1990, em parceria com a Secretaria de Políticas de Saúde do Ministério de Saúde, coordenou outra pesquisa sobre “Recursos humanos e tecnologia nas unidades básicas de saúde”.

Além destas duas pesquisas pioneiras, pelo CEALAG coordenou até o junho deste ano outros 14 estudos relacionados ao Serviço Social, aos Recursos Humanos, Ensino, Atenção Primária e Políticas em  saúde.

Sempre participou de forma ativa na administração do CEALAG tendo exercido a função de Secretária, de Diretora e, desde que este se transformou em OSCIP em 2007, foi eleita como uma das diretoras da entidade.

Realizava todos os tipos de trabalhos com muita dedicação e alegria, incentivando e animando a todos ao seu redor, coerente com seus ideais, rigorosa nos princípios que estabelecem os direitos das pessoas e a diminuição das desigualdades, batalhadora do SUS, era uma pessoa doce e afetiva, procurando ajudar a todos, não só profissional como pessoalmente.

Regina deixou-nos um grande legado e ficará para sempre nos nossos corações e mentes como exemplo de pessoa inteligente, capaz, empreendedora, digna, justa, boníssima e que conseguia integrar a teoria com a prática diária.

Homenagens de algumas instituições

https://www.abrasco.org.br/site/noticias/institucional/adeus-regina-marsiglia/29611/

http://cebes.org.br/2017/07/nota-de-pesar-falecimento-da-professora-regina-marsiglia/

https://www.abrasco.org.br/site/noticias/institucional/homenagem-professora-regina-marsiglia/29614/